Seja Bem Vindo
NÃO DEIXE DE CLICAR NOS ANÚNCIOS DESTE, VOCÊ ESTARA AJUDANDO A PERMANENCIA DO MESMO. OBRIGADO

Siga este Blog

segunda-feira, 29 de maio de 2017

Primeira viagem de Trump: um caixeiro viajante perigoso em giro internacional

A primeira viagem do presidente Donald Trump ao exterior prometia. O saldo concreto, contudo, são autocratas reassegurados, aliados ofendidos, anúncios vazios e promessas quebradas, opina a jornalista. A coreografia dessa viagem foi concebida com inteligência, os preparativos levaram semanas, mas o resultado parece que não foi o esperado. Assim a confiabilidade dos Estados Unidos está na berlinda. É esse o saldo do primeiro giro internacional de Donald Trump.
Edição e imagens:  Thoth3126@protonmail.ch
Opinião: Donald Trump, um perigoso caixeiro viajante em giro internacional
Por Alexandra von Nahmen. – Fonte: http://p.dw.com/p/2diUP
Com seu primeiro giro internacional, o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, queria provar que sua agenda “America first” era compatível com o papel americano de liderança mundial.
A coreografia dessa viagem foi concebida com inteligência, os preparativos levaram semanas. Da capital da Arábia Saudita, Riad, ele partiu – pela primeira vez na história – direto para Jerusalém. Da Terra Sagrada a rota levou até o Vaticano, para se concluir em Bruxelas e Taormina, entre amigos e parceiros.
Firme e demorado, cumprimento entre os presidentes francês e americano em Bruxelas foi assunto na imprensa e na internet. “Não foi algo inocente, foi para mostrar que não vamos fazer pequenas concessões”, afirma Macron.
Uma viagem que proporcionava ao presidente americano a oportunidade de brilhar no palco mundial como homem de Estado que impressiona, inspira e é respeitado, aonde quer que vá. Mas que, acima de tudo, persegue uma meta: preservar e defender os interesses dos norte americanos.
Essa era a narrativa da viagem. Os assessores de imprensa de Trump se atropelaram em superlativos para descrever os próprios êxitos.
A amarga verdade é que pouca substância há por trás das belas fotos e dos grandes anúncios. Até agora, a Casa Branca não fundamentou com detalhes palpáveis as promessas e iniciativas do presidente. Como se pretende implementar a decisão, anunciada em Riad, de secar as fontes financeiras dos extremistas e de seus patrocinadores? Quão concreto é o plano para a paz no Oriente Médio?
Trump anuncia estratégias militares mais agressivas para combater jihadistas do “Estado Islâmico” no Oriente Médio. Mas mudança tática pode pôr em risco a vida de civis e agravar deslocamentos, alerta especialista.
Pior ainda: a viagem comprovou mais uma vez o quanto Trump aposta numa política das transações, uma política marcada pela competição de interesses que são renegociados a cada vez. Com efeitos perigosos: para motivar os dirigentes e governos dos países fundamentalmente islâmicos a participar de sua aliança contra o extremismo, ele praticamente lhes deu carta branca para regerem como quiserem. Direitos humanos, das mulheres e o fortalecimento da sociedade civil ficaram relegados a último plano.
Para angariar simpatias na Arábia Saudita e em Israel, Trump esbravejou repetidas vezes contra o Irã. Suas ameaças estão longe de significar que os EUA vão rescindir o acordo nuclear com Teerã, firmado por diversos parceiros. Mas a retórica trumpista de confrontação poderá atiçar novos choques violentos entre xiitas e sunitas na região. O presidente americano acende o pavio; as consequências, ao que tudo indica, lhe são indiferentes.
Perplexos e apavorados, os aliados dos EUA na Europa observaram esse espetáculo. Esvaiu-se a esperança de convencer Trump a conversas pessoais sobre valores comuns e sobre as iniciativas aprovadas junto a seu antecessor, Barack Obama.
Em Bruxelas, além disso, o novo presidente americano melindrou numerosos parceiros da Otan com sua rude crítica ao gastos deles com defesa, justamente numa cerimônia destinada a celebrar a organização como aliança histórica e voltada para o futuro.
E a tragédia e o perigo dessa administração americana ficaram definitivamente demonstrados na cúpula do G7 em Taormina, onde Trump sabotou de facto  as conversas conjuntas e permaneceu inflexível em diversas questões. “America first” pode significar que se criam novas coalizões ad hoc, ao mesmo tempo em que se desacatam os parceiros de longa data e fiéis.
Num discurso informal em Munique, neste domingo (28/05), a chanceler federal da Alemanha, Angela Merkel, não ocultou sua decepção após a conferência de cúpula do G7, em Taormina, Itália. “Os tempos em que podíamos confiar inteiramente em outros ficaram para trás, até certo ponto. Foi o que vivenciei nestes dias. Nós, europeus, precisamos realmente tomar o nosso destino nas próprias mãos.”
Assim a “confiabilidade” dos Estados Unidos está na berlinda. É esse o saldo do primeiro giro internacional de Donald Trump.
Para saber mais ver em: 
  1. https://thoth3126.com.br/uma-visao-pessoal/
  2. http://thoth3126.com.br/denver-international-airport-uma-enorme-base-subterranea/
  3. http://thoth3126.com.br/illuminati-revelacoes-de-um-membro-no-topo-da-elite-explosivo/
  4. http://thoth3126.com.br/o-futuro-dos-eua-por-ned-dougherty/
  5. http://thoth3126.com.br/a-visao-das-provacoes-dos-estados-unidos-por-george-washington/
  6. http://thoth3126.com.br/divida-dos-eua-superou-19-trilhoes-de-dolares/
  7. http://thoth3126.com.br/eua-se-preparam-para-iminentes-eventos-catastroficos-provocados-pelo-sol/
  8. http://thoth3126.com.br/e-o-fim-do-imperio-americano-sob-a-presidencia-detrump/
  9. http://thoth3126.com.br/pressao-final-da-luz-contra-as-forcas-das-trevas/
  10. https://thoth3126.com.br/pearl-harbor-75-anos-de-um-false-flag-attack/
  11. https://thoth3126.com.br/pressao-final-da-luz-contra-as-forcas-das-trevas-02/
  12. https://thoth3126.com.br/atentado-as-torres-gemeas-em-n-york-15-anos-da-maior-farsa-do-seculo/
  13. https://thoth3126.com.br/russia-x-grupo-bilderberg-nwo-illuminatis/
  14. https://thoth3126.com.br/david-rockefeller-um-dos-lideres-da-cabala-morre-aos-101-anos/
  15. https://thoth3126.com.br/china-russia-e-ira-contra-o-imperio-do-caos/
  16. https://thoth3126.com.br/elite-quer-a-guerra-eua-europa-x-russia/
  17. https://thoth3126.com.br/putin-o-presidente-o-poder-que-o-apoia-e-o-poder-que-o-odeia/
  18. https://thoth3126.com.br/seis-segredos-que-a-elite-global-nao-quer-que-voce-saiba/
  19. https://thoth3126.com.br/os-eua-estao-usando-bombas-moab-contra-gigantes-escondidos-no-afeganistao/
  20. https://thoth3126.com.br/siria-damasco-sera-destruida-por-uma-bomba-atomica/
  21. https://thoth3126.com.br/os-eua-e-sua-forca-de-intervencao-da-otan-pode-iniciar-uma-guerra-nuclear/
  22. https://thoth3126.com.br/as-mudancas-planetarias-serao-profundas-e-inevitaveis-parte-2-final/
  23. https://thoth3126.com.br/ignorancia-de-trump-no-oriente-medio-pode-gerar-guerra-com-ira/
  24. https://thoth3126.com.br/china-desmontou-aparato-da-cia-em-pequim-eliminando-ate-20-agentes/
  25. https://thoth3126.com.br/trump-e-o-papa-dois-homens-dois-mundos-ambos-com-bases-falsas/
Permitida a reprodução, desde que mantido no formato original e mencione as fontes.
NÃO DEIXE DE CLICAR NOS ANÚNCIOS DESTE, VOCÊ ESTARA AJUDANDO A PERMANENCIA DO MESMO. OBRIGADO

POSTAGENS MAIS VISITADAS

Disso Você Sabia ? no Facebook